O FUSO INSULAR surge em 2019, com o intuito de suprir uma lacuna então existente no panorama artístico do Arquipélago dos Açores no que diz respeito ao conhecimento e à formação na área da imagem em movimento.

Esfera

Fomentar a criação artística entre a camada jovem açoriana, promover novos conteúdos a um público alargado, divulgar a videoarte portuguesa e promover a produção audiovisual e cinematográfica na região são os objetivos do FUSO INSULAR, que se divide em dois momentos: o programa de residência Laboratório Imagem em Movimento, onde se pretende incentivar a criação de novos trabalhos em vídeo, e a Mostra de Videoarte, com obras selecionadas por curadores nacionais e internacionais.

O Laboratório Imagem em Movimento é dirigido à comunidade açoriana interessados nas artes cinematográficas. Tem como objetivo a criação de obras em vídeo e a reflexão sobre a imagem em movimento como expressão artística transversal a todas as práticas, cruzando linguagens do filme experimental, da performance, da fotografia e do cinema.

A Mostra de Videoarte dos Açores, além de ser uma plataforma para a exibição dos trabalhos realizados durante o Laboratório Imagem em Movimento, apresenta sessões temáticas com obras de artistas portugueses e internacionais, históricos e contemporâneos, programadas por curadores de renome internacional.

Desta forma FUSO INSULAR cumpre a sua missão de dar formação aos artistas locais, divulgar a arte portuguesa e enriquecer a oferta cultural nos Açores e o conhecimento geral da população, contribuindo para a formação de novos públicos.

Esfera

Director
António Câmara Manuel

Directora Artística e Coordenadora Geral
Rachel Korman

Diretor Técnico
Alexandre Almeida Coelho

Produção
Ana Calheiros

Assessoria de Imprensa e Redes Sociais
Rachel Korman
Rita Bonifácio / Paris, Texas

Design Gráfico
ilhas studio

Website
Maria Nery

Equipamentos audiovisuais
Eduardo Oliveira

Fotografia
Carlos Brum

Produção
DuplaCena
Horta Seca