Nshajo (O Jogo)

Raquel Scheffer

Curador: Marta Mestre | Sessão: Reload

Entre 1957 e 1960, o antropólogo Jorge Dias, uma das figuras maiores da etnografia colonial portuguesa e da corrente luso-tropicalista, realiza três estudos de campo no Planalto dos Macondes, no Norte de Moçambique. O material recolhido daria origem à extensa monografia Os Macondes de Moçambique (1964-70), uma das obras fundamentais da antropologia portuguesa. Em 1960, aquando da quarta expedição a Moçambique, Jorge Dias permanece durante alguns dias na residência da família da autora, no Mucojo, onde o seu avô era então administrador de posto. Nshajo (O Jogo) entrelaça o relato de um episódio prosaico da estadia de Jorge Dias no Mucojo com uma tentativa de reflexão visual sobre os limites da representação antropológica e os processos de observação empírica, comparação, imitação e aculturação.

Partilhar:

Detalhes

Local:MNAC
Data/hora exibição:30 Agosto, às 22:00
Autor:Raquel Scheffer
Curador:Marta Mestre
Ano:2017
Duração:7’55’’

Obras seleccionadas pelo curador: